Salada de Beterrabas

Salada de Beterraba

Quando o frio lá fora nos faz soltar um riso nervoso para as gélidas folhas verdes da salada, estas beterrabas morninhas acompanham com formosura e exuberância a refeição. Basta cozê-las com casca em água, depois passá-las rapidamente pela água fria enquanto puxa as peles com a faca, picá-las como preferir com a ajuda do garfo para não queimar as mãos e fazê-las descansar bem cobertas até a hora de servir numa vasilha de vidro ou cerâmica com um pouco de vinagre de vinho tinto, sal e pimenta moída na hora. Se desejar, pode adicionar ao tempero fatias fininhas de cebola e ervas frescas. Na hora de servir, um fio de azeite vai bem.



6 comentários em “Salada de Beterrabas

  1. Mari Rezende

    Não consigo comer a beterraba assim, só bem processada como em bolos, cozidos e outras coisas…
    Aliás, por falar em bolos, fiz a sua receita do bolo de iogurte (de julho de 2006) e tive uma experiência muito engraçada… Coloquei lá no meu blog, com agradecimentos à você! É uma ótima receita!
    Beijinhos

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Arquivos

Post aleatório

Lassi com Cardamomo

Newsletter

Assine para receber no seu e-mail